O crédito para MEI veio como uma alternativa para favorecer o crescimento do negócio. Trata-se de uma forma que o empreendedor tem de obter recursos de maneira simples e sem tantas exigências, como acontece em algumas instituições bancárias. Há diferentes opções para quem se formalizou, contudo, é importante entender como funciona para se planejar e tomar a decisão no momento certo.

Preparamos um post com informações sobre o que é preciso e a quem recorrer para obter a linha de crédito ideal para as suas necessidades. Acompanhe!

Quais as principais opções de crédito para MEI e o que é necessário?

CREDMEI

A principal opção de crédito para MEI ocorre por meio do CREDMEI, que dispõe de linhas de diferentes valores e para várias finalidades. Basicamente, o empreendedor tem acesso aos serviços bancários, além do crédito em uma conta digital.

Para ter acesso, é preciso apenas dos documentos de RG, CPF, comprovante de residência e o comprovante de que é MEI.

Microcrédito

Os valores variam desde R$ 1 mil a R$ 20 mil, destinado a microfinanças, abrangendo empréstimos e outros serviços financeiros. A vantagem está na simplicidade de acesso e no valor baixo das operações bancárias, o que o torna uma ótima opção para a captação de terceiros.

Entre os benefícios, podemos listar:

Conheça o EmittePowered by Rock Convert
  • acesso rápido ao crédito e a outras transações bancárias que estimulam o crescimento do negócio;
  • baixa necessidade de oferecer garantias;
  • metodologia específica, que avalia as características do empreendedor;
  • pouca burocracia e baixo custo das transações;
  • grande impacto social das ações econômicas na comunidade.

BNDES

O BNDES oferece crédito a juros de 4% ao mês para empreendedores formais ou informais em linhas de até R$ 20 mil. Não são exigidas garantias reais, uma vez que as transações envolvem o aval solidário.

O crédito pode ser utilizado para investimentos em expansão, modernização de equipamentos, compra de maquinário, capital de giro, exportação, importação a partir de linhas e condições específicas para cada fim. O interessado deve procurar uma das instituições financeiras parceiras do BNDES.

Linhas de crédito nas instituições financeiras

Caixa, Banco do Brasil, Itaú, além de cooperativas, também oferecem linhas de crédito para MEI. Cada uma apresenta condições e exigências diferentes. Por exemplo, a Caixa tem uma linha entre R$ 300 e R$ 15 mil com prazo de 4 meses a 2 anos. Já o Banco do Brasil exige a garantia de terceiros, mas os empréstimos podem chegar a R$ 40 mil.

O que levar em consideração na escolha?

O primeiro passo é avaliar todas as opções disponíveis, as condições e suas reais necessidades. Responda também às seguintes perguntas:

  • Qual o seu faturamento mensal?
  • Qual o valor de que precisa?
  • Quanto pode pagar por mês?
  • Será necessário oferecer alguma garantia?
  • Qual o objetivo do crédito? Ele é realmente necessário?
  • Qual será a perspectiva de crescimento do negócio?

O crédito para MEI é importante, mas requer planejamento para que ele não se torne um problema no futuro se o negócio não conseguir gerar receita. Com sabedoria, é possível crescer, honrar com os pagamentos e obter mais crédito futuramente, se for necessário.

Este conteúdo resolveu suas dúvidas? Aproveite e leia também nosso post sobre o que é capital de giro. Boa leitura!